Tem muita gente achando estranha essa nova (só que velha) moda da Saia Mídi. É velha porque é moda do tempo da vovó, mas que voltou com tudo. Não é tão novidade assim ela ter voltado, já que há alguns anos que tem aparecido por aí em alguns desfiles de Fashion Week ou nos street styles. Mas aqui no Brasil tem pouco tempo que as celebs e blogueiras começaram a arriscar.

Dior, New Look
Ao final dos anos 40 e início dos anos 50, em que a 2a Guerra Mundial havia acabado e as mulheres voltaram a ter mais tempo para cuidar de si mesmas, surgiu um “ditador” da moda, um imperador, Christian Dior, que interpretava as roupas femininas como de princesas e criou o famoso New Look.
Durante a guerra com a ausência dos homens (que estavam na guerra) as mulheres ficaram responsáveis por cuidar de tudo (casa, familia…). Como as matérias primas eram racionadas, elas passaram a usar roupas masculinas, se adaptando ao que havia disponível.

Com o fim da guerra elas voltaram a usar roupas que marcavam a cintura, saias mais cheias, com muito tecido e seios em evidência. Dior, interpretando esse desejo das mulheres de voltarem a se vestir mais femininas, instituiu seu estilo focando nesse quesito (feminilidade), se tornando conhecido mundialmente.

Dior, New Look

Daí surgiram os vestidos e saias mídi, que tem comprimento abaixo do joelho e acima dos tornozelos, mas não tem uma medida exata, já que depende da altura e do gosto de cada pessoa. Tenho visto muita gente por aí dizendo que não sabe usar, mas não é tão complicado como a maioria pensa, é uma peça fácil de variar e adaptar, com os devidos cuidados.

Saia Midi, Looks

Podemos encontrar o comprimento mídi tanto em vestidos quanto em saias, que podem ser em vários modelos como: lápis, evasê (ou, também conhecido como A), godê (ou retas).

 Saia Midi Lápis:

Saia Midi, Saia Lápis
Saia Midi, Saia Lápis

A saia midi versão lápis, em que a saia é mais justa e mais fechada na barra, é a mais adequada para as baixinhas, porque não divide a silhueta, e dá uma impressão de continuidade e assim, a ilusão de que alongam. Mas essa tem que tomar cuidado na hora de andar, não dá pra dar passos largos. Correr? Nem pensar!! kkk

Saia Midi Godê:

Saia Midi, Saia Godê

Saia Midi, Saia Godê

Outro modelo de saia mídi é a que tem corte godê e é a que mais dá um ar de lady like ao look, tira um pouco da seriedade, mas continua elegante. As saias midi godê são aquelas mais rodadas, com bastante volume e são ótimas pra quem tem o corpo reto, com poucas curvas, já que deixam a cintura bem marcada. Aposte na saia mídi estilo godê com parte de cima mais sequinha, que fica tudo certo.

Saia Midi Evasê:

Saia-midi-Evase-style

Saia Midi, Saia Evasê

A saia midi evasê é aquela em que a saia faz o formato da letra A, bem marcada na cintura e mais aberta na barra. Adoro esse modelo de saia mais rodada, um dos meus preferidos. Se colocar com uma botinha dá uma quebra no visual, deixando mais descolado e charmoso. Só tomem cuidado pra não colocar bota de cano médio, porque divide a silhueta dando impressão de achatar o corpo. Esse tipo de saia midi também é ótimo pra quem tem quadril mais largo porque não marca, como a lápis, e disfarça o quadril.

Dicas:

Saia Midi, Tenis, SocialNa hora de combinar, as blusas tipo regata ou t-shirt dão um ar mais moderninho ao look, mas pra ficar mais elegante aposte em camisas (pra dentro da saia) e cintos que marcam ainda mais a cintura. O tênis também funciona, deixando o estilo mais moderno e despojado. E olha que tá bem em alta, viu?!

 

Saia Midi, Top CroppedNão tem um jeito certo de usar a saia midi, na moda nunca tem certo ou errado, mas tem sempre o que fica melhor pra cada tipo de corpo. Se você está com a dieta em dia, aposte na mais justinha, com cintura alta e top cropped (aproveitando pra já usar duas tendências ao mesmo tempo).

 

Saia Midi, LooksPara não voltar no tempo e acabar “envelhecendo” o look, opte por cores vibrantes e modelagens modernas, assim como blusas curtinhas e decotadas. Estampas e fendas também ajudam, basta tentar evitar o clássico.

Para as mais baixinhas a dica é usar sandálias e sapatos de cores nude e mais cavados na parte de cima (deixando o peito do pé a mostra) são os modelos ideais, que alongam a silhueta. Usar looks monocromáticos também alongam e ajudam a disfarçar o tamanho.

Saia Midi, Looks MidiQualquer pessoa pode usar a saia midi, tanto alta quanto as mais baixinhas. Se o seu shape não é tão modelo de passarela, experimente usar um comprimento mais curto, logo abaixo do joelho, de preferência com modelagem reta ou lápis (que alongam), e salto (sempre!).

Não é tão fácil assim de gostar da saia midi, eu sei, mas confesso que depois de todas as dicas que dei pra vocês aqui neste post, fiquei com muita vontade de comprar uma de cada tipo pra mim. Vale a pena tentar, meninas! Escolham a que mais combina com seu tipo de corpo e saiam por aí esbanjando tendência.

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked*

You may use these HTML tags and attributes:<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

1 thought on Como usar “Saia Mídi”